Benefícios do INSS

Meu INSS 2021, Como Acessar, Fazer Agendamentos e Evitar Erros?

Compartilhar

O Instituto Nacional do Seguro Social criou uma plataforma digital, totalmente online, para facilitar a vida dos trabalhadores e segurados do INSS.

O nome da plataforma é Meu INSS e ela também possui um aplicativo.

Com essa ferramenta podemos solicitar benefícios, serviços, realizar consultas, além de muitas outras possibilidades.

Ao todo, são mais de 20 serviços que podem ser agendados pela plataforma Digital do Instituto da Previdência Social.

Isso evita que você chegue na agência do INSS, após uma longa espera, e descubra que poderia ter resolvido seu problema pelo seu computador ou celular.

Essa situação é de arrancar os cabelos, né?

Foi pensando nisso que preparei esse Guia completo: os serviços do Meu INSS 2021. Essas informações vão te ajudar a resolver problemas com apenas um clique de distância.

Neste post você vai conferir:

1. Como fazer o cadastro no Meu INSS?

Para ter acesso a todos esses serviços é simples e rápido, basta procurar no seu computador ou celular, o site/aplicativo Meu INSS.

Ao acessar o site ou aplicativo do Meu INSS, você vai visualizar a seguinte tela:

Você consegue realizar alguns serviços do INSS sem cadastro, mas eu recomendo a todos os meus clientes a entrarem no Meu INSS com o login do gov.br, porque depois é muito mais fácil ficar acompanhando a análise do seu benefício.

Como fazer o seu cadastro?

Se você ainda não tem um cadastro no Meu INSS, não se preocupe, é bem simples de conseguir um!

Basta clicar em “Entrar com gov.br” na tela inicial.

Abrirá uma nova janela no seu navegador.

Você deverá clicar em “crie sua conta”.

Existem várias opções que você pode utilizar para começar a fazer o seu cadastro.

Clique na que ficar mais fácil para você.

Depois, basta seguir os passos que o próprio site do Meu INSS indica, é bem fácil.

Se você optar por fazer o cadastro através do número do seu CPF (opção mais comum dos usuários), para facilitar seu cadastro, fique atento com essas informações abaixo, porque vai ser necessário preenchê-las para criar sua conta:

  • CPF;
  • Nome completo;
  • Número de telefone celular ativo;
  • Um endereço de e-mail válido.

Após disso, aparecerão 3 perguntas a serem respondidas:

  • Qual é o primeiro nome da sua mãe?
  • Qual é o seu mês de nascimento?
  • Qual é o ano do seu nascimento?

Depois de respondê-las, serão feitas novas perguntas referentes aos vínculos de emprego, contribuições com o INSS, benefício já recebidos. 

Terminada esta etapa, você deverá cadastrar uma senha para a sua conta no gov.br.

A partir disso, você terá um login e uma senha definitivos para acesso à sua conta no Meu INSS.

E se mesmo assim, você não conseguir criar seu acesso, não se preocupe, você pode ligar para o número telefone 135 do INSS.

Agora com o acesso realizado, vamos encontrar na página inicial todas as possibilidades de serviços disponíveis.

2. Quais são os serviços do Meu INSS?

Não fique mais na fila de espera!

No total, temos mais de 96 serviços no site do Meu INSS.

Aviso: sempre que você clicar em uma das opções de serviço, o INSS vai pedir para você atualizar seus dados, por isso, fique atento nas informações que você utilizou para criar seu acesso.

Aposentadoria

Para começar temos a seção aposentadoria.

Ao clicar nessa opção, você vai ter acesso a todas as modalidades de aposentadoria.

Ao escolher a opção desejada, é feita uma busca no sistemas do INSS para saber se você já pode receber o benefício automaticamente, caso não seja possível, você pode acompanhar com o número do protocolo do requerimento o andamento do processo.

E deixa eu te dar uma dica: confira bem o motivo pelo qual o INSS não concedeu seu benefício e quais períodos foram considerados.

Talvez um período legítimo de trabalho não tenha sido contabilizado e você pode conseguir seu benefício através da lei.

Salário Maternidade

Em seguida temos o Salário Maternidade. Ao clicar nessa opção, uma tela vai aparecer com um botão escrito “Iniciar”.

Se você possui a certidão de nascimento da criança, clique em “Iniciar” e prossiga com o passo a passo para realizar o requerimento.

Também existe a possibilidade de você continuar sem a certidão da criança, nesse caso siga as instruções que vão aparecer na tela do seu computador.

Extrato de Contribuição (CNIS)

Agora, tem algo muito legal que talvez você não saiba: é possível ter acesso e imprimir o extrato de suas contribuições, o famoso CNIS.

Basta clicar na opção “Extrato de Contribuição (CNIS)”.

Agora você deve rolar até o fim da página e em seguida em “BAIXAR PDF”. Pronto, simples e rápido.

3. Como simular a Aposentadoria no Meu INSS?

Se você chegou aqui neste post e ainda está com a dúvida “falta quanto tempo para eu me aposentar?”, não se preocupe, basta clicar na opção “Simular Aposentadoria”.

E pronto, agora você tem a possibilidade conhecer de forma resumida o seu histórico de trabalho e recolhimento.

Temos a opção da aposentadoria por idade ou aposentadoria por tempo de contribuição, com essa simulação, temos acesso a informações como:

  • quanto tempo falta para você se aposentar;
  • o valor da sua renda inicial;
  • e se você já tem o direito a esse benefício ou não.

Se ao verificar nessa simulação, que o INSS deixou de contar algum vínculo empregatício seu, pode ficar tranquilo…

Existe a possibilidade de você registrar um vínculo manualmente para ajustar seus períodos e obter um resultado mais preciso.

Por isso, meu conselho é que nunca confie cegamente na simulação do Meu INSS, principalmente se o seu caso for de contribuições em atrasos e tempo de atividades especiais.

4. Como agendar sua aposentadoria no Meu INSS?

Se você ainda prefere resolver seus problemas olho no olho, clique na opção de “Agendamentos/Solicitações”, isso vai facilitar sua vida, porque você consegue agendar pela internet um horário presencial.

Além disso, ao clicar nessa opção e digitar a palavra “aposentadoria”, vai aparecer uma lista com diversos tipos de aposentadoria e você pode escolher a melhor que se encaixa com seus requisitos.

Se você tem alguma dúvida sobre qual aposentadoria se encaixa melhor no seu caso, é possível verificar nosso post sobre as aposentadoria depois da Reforma da Previdência e acabar com suas dúvidas.

Meu conselho é que procure um advogado especialista em previdenciário para te acompanhar melhor, é ele que irá te apresentar os números da sua aposentadoria e quais são as opções ideais para você.

5. Como retirar extrato de pagamento do benefício?

Para quem está buscando a comprovação de recebimento de o benefício do INSS, basta clicar no “Extrato de pagamento de benefício”, selecionar o período que deseja e consultar.

Essa opção vai te ajudar para fins legais como abertura de conta em bancos, empréstimo consignado, programas educacionais, entre outras finalidades.

Na opção “Carta de concessão de benefício”, você tem acesso à forma de cálculo que o INSS usou para o seu benefício, além de informações sobre o banco que é responsável pelo pagamento.

6. Como solicitar sua Perícia no Meu INSS?

Uma novidade que poucos sabem, é que você pode solicitar a perícia médica do INSS no conforto da sua casa. Basta clicar na opção “Agendar Perícia”.

Em seguida, escolha entre a perícia inicial ou a perícia de prorrogação, de acordo com seu caso e preencha os requisitos necessários.

Na próxima etapa temos a opção: “Resultado de Requerimento/Benefício por Incapacidade”, ao clicarmos nesta opção, temos acesso ao documento onde consta se o segurado foi considerado capacitado ou não para o trabalho.

Lembrando que essa opção é destinada às pessoas que solicitaram o auxílio doença ou outro benefício por incapacidade e já passaram por perícia médica do INSS.

7. Como fazer a consulta do Empréstimo Consignado

Entre os serviços do Meu INSS, podemos retirar o extrato de empréstimo consignado, onde consta todo o histórico dos seus créditos já com o desconto do benefício previdenciário e outras informações que são uma mão na roda, como o valor das parcelas e prazos para o pagamento.

8. Confira seu Extrato de Imposto de Renda

Para quem é beneficiário e precisa declarar o Imposto de Renda, não deixe de conferir esse serviço na opção “Extrato para Imposto de Renda (IR)” para ficar tranquilo com relação a isso.

9. Descubra se existe algum benefício no seu nome

Na opção “Declaração de Beneficiário do INSS”, temos a possibilidade de consultar a existência ou não de algum benefício no CPF.

Essa é a conhecida declaração “Nada Consta” que alguns órgãos do governo exigem para diversas coisas.

10. Como consultar a revisão de benefício?

Ao digitarmos a “Consultar Revisão de Benefício – Artigo 29” na zona de busca do Meu INSS, logo na página inicial depois do seu login, vamos ter acesso apenas aos dados do benefício e se temos o direito ou não da revisão.

Essa consulta é feita na hora, pela internet mesmo!

A “Revisão do artigo 29” teve origem a partir de decisão judicial tomada na Ação Civil Pública (ACP) nº. 0002320-59.2012.4.03.6183/SP, que determinou que fosse recalculado o valor de determinados benefícios aplicando-se o percentual inicialmente fixado pela Lei nº 9.876/99, ou seja, 80% dos maiores salários de contribuição dentro do período básico de cálculo.

Segundo o próprio site do Meu INSS, não serão revistos automaticamente os benefícios que não contenham os dados básicos para o cálculo (contribuição registrada no período básico de cálculo – PBC, coeficiente de cálculo, tempo de contribuição e renda mensal inicial – RMI), ou quando estes apresentarem inconsistências.

Lembrando que a revisão será automática e abrangerá incapacidade (auxílio-doença comum ou acidentário) e respectivas pensões por morte derivadas.

Isso é possível desde que possuam data de início de benefício a partir de 17/4/2002 e com data de despacho do benefício até 29/10/2009, segundo consta no site do próprio INSS.

11. Como achar uma agência do INSS perto de você?

O Encontre uma Agência é um dos serviços do Meu INSS e vai te ajudar a achar a agência aí pertinho da sua casa, assim como o horário de atendimento do respectivo local.

Basta você fornecer o seu CEP, que automaticamente a agência mais próxima vai aparecer na tela do seu computador.

Se você não sabe o CEP ou está longe de sua casa, não tem problema, basta clicar na opção “consultar por endereço” e preencher as informações.

Em alguns minutos você já vai saber qual a agência mais próxima do local que você se encontra.

12. Contribuinte individual saiba como está sua situação

Na opção “Declaração para o Contribuinte Individual (DRSCI)”, temos a possibilidade de comprovar que o trabalhador autônomo, conhecido como contribuinte individual, está ou não com a situação regularizada na Previdência.

Ou seja, com sua situação cadastral regular e com os recolhimentos em dia, se alguma informação estiver divergente, você pode resolver pelo site Meu INSS ou ligar no telefone 135 e ser melhor orientado para seu problema específico.

13. GPS: regularize suas contribuições

Se você está procurando calcular a GPS (Guia da previdência social), para quitar as suas contribuições, você deve clicar na opção “Emitir Guia de Pagamentos (GPS)”.

O site do INSS vai te redirecionar automaticamente para a página do SAL – Sistema de acréscimos legais da Receita Federal.

No site do SAL, você deverá escolher a categoria do seu pedido, colocar os seus dados como contribuinte e digitar uma palavrinha chave, confirmar e aguardar a finalização do processo.

Você pode fazer seu cadastro como segurado do INSS pelo site, basta clicar na opção “Inscrição como segurado do INSS”, e clicar em continuar, automaticamente você será redirecionado para a página do CNIS e dará sequência com o que você deseja.

14. Como realizar a Comunicação de Acidente de Trabalho

Para finalizar a lista de serviços disponíveis no Meu INSS, temos a Comunicação de acidente de trabalho – CAT.

Ao clicar nessa opção, você será redirecionado para uma página do INSS que contém todas as informações que você precisa saber para informar à Previdência Social sobre eventuais acidentes de trabalho.

Lembrando que esse comunicado serve para Acidentes de trabalho ou de trajeto, que são os acidentes que ocorreram no exercício da atividade profissional do segurado, tanto no deslocamento da residência ao trabalho, com lesão permanente ou temporária.

Também servem para os casos de Doença ocupacional, sendo aquela que é resultado do exercício da atividade peculiar

Para fazer o comunicado, é necessário o registro da CAT, basta clicar em Cadastrar CAT, nesse site para qual o INSS te redirecionou, que você poderá concluir seu comunicado na melhor maneira possível.

15. Mantenha seus dados atualizados

Por último e não menos importante, temos a opção “Alterar dados de Contato”.

Ela sempre aparece quando você entra com algum requerimento ou revisão, por isso é bom que você confirme seus dados com uma maior frequência.

Nessa aba, você terá acesso a todos os seus dados que utilizou para criar sua conta no Meu INSS e poderá alterar alguma informação equivocada ou desatualizada.

Conclusão

Neste Guia completo sobre os serviços do Meu INSS, você conferiu as principais ferramentas que podem ser uma mão da roda.

Após todas essas informações, espero que você tenha encontrado o serviço certo para evitar todo o estresse e desconforto que é sair de casa só para ir até uma agência.

E não para por aí, selecionei 3 post completos para você ficar craque no quesito INSS:

  1. 7 coisas que o INSS não te conta!
  2. 5 motivos que o INSS usa para negar sua aposentadoria.
  3. Passo a Passo para retirar o informe de rendimentos do INSS.

Mas se você quer receber conteúdos exclusivos, não esqueça de se inscrever na nossa Newsletter, ela está cheia de conteúdos exclusivos sobre a Reforma da Previdência.

OAB/PR 94.489
Especialista em Direito Previdenciário, sócio do Ingrácio Advocacia e fundador do Cálculo Jurídico. Ele adora tomar um café no fim da tarde.

Post atualizado em 27 de setembro de 2021

Posts Recentes

Aposentadoria | Como Escolher a Melhor para Você?

Dicas de especialistas para você não errar na hora de escolher sua aposentadoria. Listei todas…

22 de setembro de 2021

Aposentadoria Cessada: O que Fazer e Como se Prevenir?

O INSS pode fazer a sua aposentadoria ser cessada, ou seja, cancelada totalmente! Isso ocorre…

17 de setembro de 2021

Posso ser Ressarcido de Contribuições Acima de Teto do INSS?

Às vezes os segurados contribuem com valores acima do teto do INSS. É possível pedir…

15 de setembro de 2021

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também compartilhamos informações sobre a utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais e de análise, que podem combiná-las com outras informações que são fornecidas ou recolhidas por estes a partir da sua utilização dos respectivos serviços.

Saiba mais